Difference between revisions of "Install/pt-br/BootLoader"

(New School (UEFI) Boot Entry)
(First Boot, and in the future...)
 
Line 65: Line 65:
 
</console>
 
</console>
  
==== First Boot, and in the future... ====
+
==== Primeiro Boot, e no futuro... ====
  
OK -- you are ready to boot!  
+
OK -- você está pronto para inicializar!  
  
You only need to run <code>grub-install</code> when you first install Funtoo Linux, but you need to re-run <code>boot-update</code> every time you modify your <code>/etc/boot.conf</code> file or add new kernels to your system. This will regenerate {{c|/boot/grub/grub.cfg}} so that you will have new kernels available in your GRUB boot menu, the next time you reboot.
+
Você só precisa executar <code>grub-install</code> quando você instalar o Funtoo Linux pela primeira vez, mas você precisa re-executar <code>boot-update</code> toda vez que você modificar o seu arquivo <code>/etc/boot.conf</code> ou adicionar novos kernels ao seu sistema. Isso irá gerar {{c|/boot/grub/grub.cfg}} então assim você terá novos kernels disponíveis no seu GRUB boot menu, a próxima vez que você reiniciar.

Latest revision as of 18:34, February 27, 2015

Instalar um Bootloader

Estas instruções de instalação the mostra como usar o GRUB para o boot utilizando BIOS (moda antiga) ou UEFI (moderno). Como no boot-update-1.7.2, agora no Portage, os passos são muito similares.

Primeiro, emerge boot-update. Isso também causará que o grub-2 e o efibootmgr sejam emergidos (merged), desde que eles são dependências:

(chroot) # emerge boot-update

Depois, edite /etc/boot.conf utilizando nano e especifique "Funtoo Linux genkernel" como a configuração default no topo do arquivo, substituindo "Funtoo Linux".

/etc/boot.conf deve agora parecer como isso:

boot {
	generate grub
	default "Funtoo Linux genkernel" 
	timeout 3 
}

"Funtoo Linux" {
	kernel bzImage[-v]
}

"Funtoo Linux genkernel" {
	kernel kernel[-v]
	initrd initramfs[-v]
	params += real_root=auto 
} 

"Funtoo Linux better-initramfs" {
	kernel vmlinuz[-v]
	initrd /initramfs.cpio.gz
}

Se você estiver inicializando um kernel personalisado ou não padrão, por favor leia man boot.conf para informações nas várias opções disponíveis para você.

Moda Antiga (BIOS) MBR

Quando utilizar inicialização "a moda antiga (old school)" pela BIOS, execute o seguinte comando para instalar o GRUB no seu MBR, e gere o arquivo de configuração /boot/grub/grub.cfg que o GRUB utilizará para a inicialização:

(chroot) # grub-install --target=i386-pc --no-floppy /dev/sda
(chroot) # boot-update

Entrada de Boot moderno (UEFI)

Se você estiver utilizando inicialização "moderna" com o UEFI, uma execução do seguinte conjunto de comandos, dependendo se você estiver instalando um sistema de 64-bit ou de 32-bit. Isso aicionará GRUB como uma entrada de boot UEFI.

Para sistemas x86-64bit:

(chroot) # grub-install --target=x86_64-efi --efi-directory=/boot --bootloader-id="Funtoo Linux [GRUB]" --recheck /dev/sda
(chroot) # boot-update

Para sistemas x86-32bit:

(chroot) # grub-install --target=i386-efi --efi-directory=/boot --bootloader-id="Funtoo Linux [GRUB]" --recheck /dev/sda
(chroot) # boot-update

Primeiro Boot, e no futuro...

OK -- você está pronto para inicializar!

Você só precisa executar grub-install quando você instalar o Funtoo Linux pela primeira vez, mas você precisa re-executar boot-update toda vez que você modificar o seu arquivo /etc/boot.conf ou adicionar novos kernels ao seu sistema. Isso irá gerar /boot/grub/grub.cfg então assim você terá novos kernels disponíveis no seu GRUB boot menu, a próxima vez que você reiniciar.