Sistema de Janelas X

From Funtoo
Jump to: navigation, search
This page is a translated version of the page X Window System and the translation is 100% complete.

Other languages:
English • ‎português do Brasil

X.Org Kits

O Funtoo Linux atualmente (versões a partir da 1.3) possui o xorg-server 1.20.

X.Org

Para usar um ambiente gráfico, é necessário instalar o X.Org, que é uma implementação do sistema de janelas X.

Antes que comecemos é uma boa ideia certifica-se de que seu sistema está configurado corretamente. Se você instalou seu kernel usando a USE flag binary , é provável que sua placa de vídeo já seja suportada. Veja Vídeo para mais informações sobre isso.

Você também deve encontrar seu endereço IP, porque se o X congelar e você precisar sair dele, a maneira mais segura é fazer o SSH a partir de outro computador/smartphone/tablet e emitir

root # killall X

Para que o Portage saiba qual quais placas de video você deseja suportar, você precisará adicionar uma linha ao seu make.conf .

root # nano -w /etc/portage/make.conf
...
VIDEO_CARDS="intel"

No exemplo acima, estamos usando drivers de gráficos integrados da Intel. Exemplos de entradas válidas incluem radeon para placas AMD Radeon e nouveau ou nvidia para placas NVIDIA e virtualbox se a instalação é feita através da máquina virtual Virtualbox. Se você ainda não mudou para o perfil desktop, é uma boa ideia fazê-lo agora.

Em seguida, vem a instalação de fato:

root # emerge xorg-x11

Agora precisamos testar para garantir que o X.Org esteja funcionando corretamente. Para testá-lo, instalaremos o TWM, um gerenciador de janelas simples que tradicionalmente serviu como o gerenciador de janelas padrão do X.Org. No Funtoo Linux, ele está incluído no metapacote principal do X.Org x11-apps/xinit, mas não é instalado por padrão.

É possível instalar o TWM diretamente, emergindo x11-wm/twm, mas para fins deste tutorial, instalaremos o metapacote, que inclui alguns utilitários extras que podem ser úteis. Há duas maneiras de fazer isso, dependendo se você deseja que ele seja instalado temporariamente ou permanentemente. Se você quiser apenas testar o X.Org, use o seguinte comando:

root # USE="-minimal" emerge -1 xinit

A USE flag minimal é usada em alguns ebuilds para instalar o mínimo necessário para obter um sistema em funcionamento. Ao passar USE="- minimal" para a linha de comando antes de emerge, estamos dizendo ao Portage para desativar a USE flag e instalar o pacote completo. O -1 ( --oneshot ) seguindo o emerge diz ao Portage para não adicionar o pacote ao arquivo world. Isso é útil ao instalar pacotes que são automaticamente puxados como dependências por outros pacotes.

Se você quer o pacote instalado permanentemente você precisará adicionar uma linha no arquivo package.use: package.use:

root # echo 'x11-apps/xinit -minimal' >> /etc/portage/package.use

Em seguida, reinstalamos o x11-apps/xinit:

root # emerge -1N xinit

Feito isso, finalmente podemos testar o X.Org:

root # startx

Se tudo estiver bem, uma GUI simples, juntamente com um relógio analógico e um terminal, aparecerão.

Teclado/Mouse

Se você não possui entrada de teclado/mouse no x11, verifique se o seu kernel suporta dev:

root # zgrep EVDEV /proc/config.gz

Se sua saída é:

CONFIG_INPUT_EVDEV=y

Instale xf86-input-evdev

root # emerge xf86-input-evdev