Perfis do Funtoo

From Funtoo
Revision as of 16:23, September 24, 2015 by Muniz95 (talk | contribs) (Created page with "Mix-ins de formato de mídia foram criados para suportar formatos de mídia para leitura, escrita, codificação e decodificação de imagens, áudio and vídeo. Eles foram or...")
Jump to: navigation, search

Other languages:
English • ‎español • ‎日本語 • ‎português do Brasil • ‎русский • ‎slovenčina • ‎Türkçe

Esta página cobre o sistema de "profile" do Funtoo Linux -- como ele funciona, quais profiles estão disponíveis, e como usá-los epro para definir e mudar as configurações do profile.


Tipos de Profiles

Historicamente, usuários precisavam adicionar muitas configurações ao /etc/make.conf para personalizar seus sistemas Gentoo ou Funtoo Linux, o que tornava a configuração do sistema operacional mais difícil do que deveria. No Gentoo Linux, é possível definir apenas um "perfil de sistema". Pense no sistema de profile como configurações padronizadas usadas pelo Portage para construir tudo no seu sistema. Ao invés de um único profile, Funtoo Linux utiliza vários sub-profiles, e envia vários tipos de configuração, normalmente armazenadas em /etc/make.conf para o sistema de profiles. Os seguintes tipos de profiles estão disponíveis para Funtoo Linux:

Tipo de Sub-Profile Descrição
archTipicamente x86-32bit ou x86-64bit, isso define o suporte ao tipo de processador do sistema. É definido quando o stage é construído e não pode ser mudado.
buildDefine se seu sistema é current, stable ou experimental. Sistema current tem mais pacotes novos desmascarados que sistemas stable. É definido quando o stage é construído e normalmente não é alterado.
subarchDefine a otimização para CPU do sistema. É definido na construção do stage3, mas pode ser alterado depois, se necessário. Esteja certo da compatibilidade com seu CPU.
flavorDefine o tipo geral do sistema que pode ser server ou desktop, e irá definir USE flags apropriadas para cada situação.
mix-insDefine várias configurações opcionais que podem ser de seu interesse.
   Note

Flavors podem (e irão) influenciar nas configurações de outros flavors e mix-ins. Mix-ins podem alterar configurações de outros mix-ins. Por exemplo, X é exigido pelo gnome. A ferramenta epro irá mostrar ambas ativadas, assim não haverá surpresas.

Usando epro

epro show mostrará as configurações do profile atual do seu sistema.

root #  epro show

=== Enabled Profiles: ===

        arch:  x86-64bit
       build:  current
     subarch:  intel64-haswell
      flavor:  desktop
     mix-ins:  gnome


=== All inherited flavors from desktop flavor: ===

                     workstation (from desktop flavor)
                            core (from workstation flavor)
                         minimal (from core flavor)

=== All inherited mix-ins from desktop flavor: ===

                               X (from workstation flavor)
                           audio (from workstation flavor)
                             dvd (from workstation flavor)
                           media (from workstation flavor)
      mediadevice-audio-consumer (from media mix-in)
                mediadevice-base (from mediadevice-audio-consumer mix-in)
      mediadevice-video-consumer (from media mix-in)
                mediadevice-base (from mediadevice-video-consumer mix-in)
        mediaformat-audio-common (from media mix-in)
          mediaformat-gfx-common (from media mix-in)
        mediaformat-video-common (from media mix-in)
                  console-extras (from workstation flavor)
                           print (from desktop flavor)

Para ver todas os sub-profiles disponíveis, use epro list:

root #  epro list

Profiles habilitados aparecerão na cor ciano. Profiles habilitados diretamente ficam em negrito e possuem um asterisco * junto. Sub-profiles habilitados indiretamente aparecem destacados.

Exemplos de uso

Adicionar o mix-ins gnome e kde
root #  epro mix-ins +gnome +kde
Remover mix-in, por exemplo gnome
root #  epro mix-ins -gnome
Alterar o arch profile para x86-64bit
root #  epro arch x86-64bit
Alterar subarch para generic_64
root #  epro subarch generic_64
Mudar o flavor do sistema
root #  epro flavor desktop
Obter saídas JSON das configurações do profile
root #  epro show-json
Obter sub-profile atual em formato texto
root #  epro get [tipodoprofile]

Flavors

Um sistema pode ter apenas um flavor habilitado por vez. Os seguintes flavors estão disponpiveis:

FlavorDescription
minimalComtém as mínimas configurações para todos os flavors do Funtoo Linux.
coreO core flavor inclui o minimal flavor, além de outras configurações comumente usadas em official stage3 downloads.
serverNo futuro, server flavor incluirá o core flavor e configurações específicas para servidores. Atualmente é igual ao core flavor.
workstationThe workstation flavor é um sistema desktop mínimo. Ele inclui o core flavor, mais os seguintes mix-ins: X, audio, dvd, media and console-extras.
desktopO desktop flavor inclui configurações comuns para um desktop completo. Ele inclui o workstation flavor mais suporte a printing. Espera-se que o usuário personalizará seu desktop com algum ambiente como KDE, GNOME ou Xfce, através de mix-in.

Mix-ins

Um sistema pode ter vários mix-ins habilitados ao mesmo tempo. Os seguinte mix-ins estão disponíveis:

Mix-inDescription
audioEnables core audio-related settings, currently related to ALSA.
console-extrasEnables things that are nice to have for console-only systems. Currently enabling gpm in USE.
dvdUSE settings related to optical drives -- CDR/DVD-ROM/RW use.
gnomeUSE and package.use settings required to merge GNOME. Designed to be used with desktop or workstation flavor.
hardenedEnables hardened support.
kdeUSE and package.use settings required to merge KDE. Designed to be used with desktop or workstation flavor.
mediaUSE settings related to audio/video media encoding. Can be for desktops or servers.
printEnables printing capability.
vmware-guestSettings related to using Funtoo Linux as a VMWare virtual machine guest.
XSettings related to the X Window System and hardware support.
xfceUSE settings required for merging XFCE.

Dispositivos Media Mix-Ins

Mix-ins para dispositivos de mídia foram criados para suporte destes dispositivos, incluindo dispositivos externos e portáteis, e suporte de hardware de baixo nível associado e codecs focados em hardware. Dispositivos de mídia foram categorizados como audio e video, e nas categorias consumer (consumidor) e professional (profissional). Dispositivos "consumer" são aqueles que usuários comuns de desktop comumente usam, enquanto dispositivos "professional" são aqueles que profissionais, hobistas or entusiastas usariam normalmente. Aqui estão os novos mix-ins para dispositivos de mídia:

Mix-in de mídiaDescription
mediadevice-baseDispositivos comuns, universalmente suportados, tais como IEEE-1394 (Firewire), CDDA, CDIO. Outros mix-ins mediadevice herdam deste.
mediadevice-audio-consumerDispositivos de consumidor, como players portáteis (MP3 player, iPod, etc.)
mediadevice-audio-proSuporte a audio profissional, tal como JACK.
mediadevice-video-consumerSuporte a vídeo para consumidor, tais como DVD, Blu Ray, V4L
mediadevice-video-proSuporte a vídeo profissional, como dv, dc1394.

Formato Media Mix-ins

Mix-ins de formato de mídia foram criados para suportar formatos de mídia para leitura, escrita, codificação e decodificação de imagens, áudio and vídeo. Eles foram organizados dentro de uma coleção "comum", para formatos populares, e uma coleção "extra", voltada para incluir "todo o resto". Vamos dar uma olhada nesses novos mix-ins:

Media Format Mix-inDescription
mediaformat-video-commonCommon (ie. popular) video formats.
mediaformat-video-extraMore esoteric video formats.
mediaformat-audio-commonCommon (ie. popular) audio formats.
mediaformat-audio-extraMore esoteric audio formats.
mediaformat-gfx-commonCommon (ie. popular) graphics formats.
mediaformat-gfx-extraMore esoteric graphics formats.

Como usar Media Mix-Ins

Our existing media mix-in still exists, and is still pulled in by the desktop and workstation flavors automatically. It now includes the following parent mix-ins:

  • mediadevice-audio-consumer
  • mediadevice-video-consumer
  • mediaformat-audio-common
  • mediaformat-gfx-common
  • mediaformat-video-common

In addition, there is a new media-pro mix-in which needs to be enabled manually, which pulls in the following mix-ins:

  • mediadevice-audio-pro
  • mediadevice-video-pro

So typically, you would enable the desktop or workstation flavor, and if you need professional hardware support, you'd also enable the media-pro mix-in. If you needed any additional media formats support, you could enable one or more of the mediaformat-*-extra mix-ins to add the formats you needed. Of course, it's possible to enable only the specific mix-ins you need, and also complement these mix-ins with specific USE variable settings you might require.

Como os Profiles são Armazenados

Funtoo Linux stores its profile settings in the /etc/portage/make.profile/parent file. Typically, users don't need to modify this file, instead using ego and epro to make changes, but it can be handy to take a look at what the contents of the file look like. A simple server might have profile settings as follows:

   /etc/portage/make.profile/parent
gentoo:funtoo/1.0/linux-gnu/arch/x86-64bit
gentoo:funtoo/1.0/linux-gnu/build/current
gentoo:funtoo/1.0/linux-gnu/flavor/core

Configurações de profile para desktop devem se parecer como isto:

   /etc/portage/make.profile/parent
gentoo:funtoo/1.0/linux-gnu/arch/x86-64bit
gentoo:funtoo/1.0/linux-gnu/build/current
gentoo:funtoo/1.0/linux-gnu/flavor/desktop
gentoo:funtoo/1.0/linux-gnu/mix-ins/dvd
gentoo:funtoo/1.0/linux-gnu/mix-ins/media

História e Origens

This new system is really a completion of the original cascading profile design that was co-designed by Daniel Robbins and Seemant Kulleen and implemented by Seemant Kulleen as part of Portage. Funtoo Profiles designed to leverage the existing cascading profile system and provide something much more useable and maintainable for users and developers alike. Here are some of its benefits:

  • Fewer settings in /etc/make.conf. CHOST and ARCH no longer set in /etc/make.conf.
  • Separation of concerns -- arch, build, and flavor-related settings are organized together.
  • User flexibility - any number of mix-ins can be enabled to tweak masks or USE settings as needed.
   Note

Veja Custom Profiles para informações sobre como expandir o sistema de profile.