Install/Introducing Portage/pt-br

From Funtoo
Jump to: navigation, search
This page is a translated version of the page Install/Introducing Portage and the translation is 100% complete.

Other languages:
English • ‎español • ‎português do Brasil • ‎русский

Guia de Instalação: Introdução ao Portage

Install Guide, Chapter 12 < Prev Next >

Portage, o gerenciador de pacotes do Funtoo Linux, possui um comando chamado emerge que é usado para construir e instalar pacotes a partir do código-fonte. Ele também cuida da instalação de todas as dependências do pacote. Você instala um pacote com emerge assim:

chroot # emerge packagename

Quando você instala um pacote especificando seu nome na linha de comando, o Portage registra esse nome no arquivo /var/lib/portage/world. Ele faz isso porque pressupõe que, uma vez que instalado a a partir de seu nome, você deseja considerá-lo parte do sistema e deseja manter esse pacote atualizado no futuro. Este é um recurso útil, uma vez que os pacotes são adicionados ao conjunto world, podemos atualizar todo o sistema digitando:

chroot # ego sync
chroot # emerge -auDN @world

Esta é a maneira "oficial" de atualizar seu sistema Funtoo Linux. Anteriormente, atualizamos a árvore do Portage usando o git para pegar os ebuilds (scripts) mais recentes e, em seguida, executamos um comando emerge para atualizar o conjunto world de pacotes. As opções especificadas dizem ao emerge para:

  • a - mostre-nos o que será surgido e pergunte-nos se queremos prosseguir.
  • u - atualiza apenas os pacotes que especificamos -- não os emerge novamente se eles já tiverem sido instalados.
  • D - Considere toda a árvore de dependências dos pacotes ao procurar por atualizações. Em outras palavras, faça uma atualização profunda (deep).
  • N - Atualize todos os pacotes que mudaram (new) suas configurações em USE.

Você também deve considerar passar --with-bdeps=y ao emergir @world, pelo menos de vez em quando. Isso atualizará as dependências de construção também.

Claro, às vezes queremos instalar um pacote, mas não adicioná-lo ao ao conjunto world. Isso geralmente é feito quando você deseja apenas que o pacote seja instalado temporariamente ou porque você sabe que o pacote em questão é uma dependência de outro pacote. Se esse comportamento é desejado, você chama emerge assim:

chroot # emerge -1 packagename

Usuários avançados podem estar interessados na página wiki do Emerge.

Atualizando World

Certos pacotes no tarball do estágio 3 de Funtoo Linux são compilados por padrão com a opção bindist ativa como um sinalizador em USE. (O sinalizador bindist controla a ativação ou desativação de partes do código fonte que são proprietárias e ou sujeitas a patentes, cuja distribuição em imagens binárias são sujeitas a licenciamento). Você pode ser avisado sobre um problema na resolução de uma dependência que utiliza o sinalizador bindist em USE durate uma atualização de pacotes após a configuração inicial do sistema. Para evitar problemas potencias, atualize o sistema antes do primeiro boot ou antes de instalar quaisquer outros pacotes como exibido abaixo:

chroot # ego sync
chroot # emerge -auDN @world
   Important

Certifique-se de ler as mensagens de publicação e de seguir as instruções. Isso é especialmente verdade se você atualizou o perl ou python.

   Important

Se você escolher sistemas de arquivos diferentes dos deste guia, como JFS ou Brtfs, lembre-se de instalar os pacotes necessários para que seu sistema possa executar uma verificação do sistema de arquivos na inicialização. O pacote é jsfutils para JFS. Pacotes semelhantes existem para todos os sistemas de arquivos.

Install Guide, Chapter 12 < Prev Next >